quinta-feira, maio 24, 2012

A DELICIOSA VIDA PRIVADA DA JORNALISTA

Os dados pessoais que o ministro Relvas ameaçou divulgar da jornalista do Público Maria José Oliveira são ou não são de natureza privada? E divulgá-los intimida ou embaraça a jornalista e a sua isenção? Anda a jornalista enroscada com um macho ou com uma fêmea do PS? Quando souber, farei da demissão ou da reabilitação sempre precária do ministro uma festa para as escolas, uma festa para a arquitectura, uma festa para a política, uma festa para os alunos, uma festa para o jornalismo, uma festa para o PS. Nisto, no Público, começa a perceber-se que não houve derrapagens, não houve derrapagens, não houve derrapagens! Só um braço de ferro a ver quem realmente fodia com quem. E dá empate técnico. Relvas, rua! E tu, Maria, regressa aos braços possantes-frango do teu amor-PS e não tornes a pecar.

2 comentários:

Dédé disse...

Post de sarjeta, Rex.

Anónimo disse...

A sua capacidade para a demagogia é admirável