domingo, maio 06, 2012

«QUERO É QUE A ASAE SE FODA!»

Ouve-se muito por aí. Mas não é só nem só a propósito da feliz iniciativa do polaco Pingo Doce. Se andamos fartos da extrema aselhice, impotente pontualidade e selectiva hipocrisia da ASAE, estamos ainda mais saturados do «furúnculo» Autoridade da Concorrência, esses penteadores de pentelhos que não existem onde é preciso, combustíveis-pela-hora-da-morte, nada fazem onde era suposto, não fossem o que são: tacho, treta e faz de conta que os partidos do costume pariram.

Sem comentários: