quarta-feira, maio 02, 2012

UM ACIDENTE PROPOSITADO

Quando a política e os interesses comprimem sistemas e pessoas para lá do limite do bom senso [exceptuando alguns felizardos], pessoas e sistemas dão por si a relaxar sem querer. Falhar torna-se a coisa mais frequente e natural do mundo. Ora, pelas pessoas deve fazer-se tudo o que se puder.

1 comentário:

Anónimo disse...

Nada como um acidente aparatoso para distrair da crise.