sexta-feira, outubro 26, 2012

SERRA DO PILAR SEDUZ DUAS VEZES

Uma das mais célebres batalhas contra a implantação do Fascismo Soviético travou-se, paralelepípedos na mão, nas faldas da Serra do Pilar e do seu mosteiro, ponto estratégico, nos anos tórridos do PREC, para visar a testa dos comunas sempre minoritários, mas tão perigosos e convencidos do seu bolchevismo flato como os PIDE do seu serviço divino. Meu pai esteve lá. Mas isto agora não interessa nada. Interessa, sim, que a minha amada Gaia, a partir de Dezembro, verá esse templo a acolher, por iniciativa da Direcção Regional de Cultura do Norte, um portal de promoção do património da região junto dos visitantes que, até aqui, batiam com o nariz na porta. Belo, inspirador, uma vista sempre mágica, sedutora, e prestes a tornar-se nova e dignamente visitável pelas hordas de turistas que se enlanguescem com o nosso Porto-Gaia a todas as horas e por todo o santo ano. Até que enfim.

Sem comentários: