quinta-feira, fevereiro 23, 2012

DESORGANIZADO E DESATENTO

«Nicolau Breyner possui uma série de virtudes raras no meio artístico nacional: sabe actuar em frente às câmaras, tem experiência de vida e é politicamente assertivo, não se limitando a beber da cartilha do esquerdismo primário de que bebem tantos dos seus colegas. Mas enferma de dois defeitos fundamentais. O primeiro é que é desorganizado. O segundo é que é desatento. E o resultado é aquilo: um programa maquinal, sem chama e sem curvas de emoção senão aquelas que a entoação do próprio apresentador tenta criar.» Joel Neto

1 comentário:

Anónimo disse...

As máquinas de lavar também são monótonas, O Nicolau limita-se a lavar/promover a imagem dos convidados, não me admiro nada se um dia destes aparecer por lá o Dias Loureiro, até mesmo o BiBi, aquilo limpa tudo.