sexta-feira, fevereiro 24, 2012

A PSICOSE "TER-DE-FALAR"

Cavaco não acerta uma. Só calado brilha ele. Quando emite opinião, bolça opinião. Se diz ficar «um pouco surpreendido» com os 35,4% de desemprego jovem, quem poderá acreditar na pequena surpresa?! Fora isso, a guerra surda com o Governo continua. Cavaco foge de alunos alevantadiços. Passos enfrenta galhardamente a multidão ululante. Passos sugere que emigremos como último recurso ou como prevenção. Cavaco espera que não precisemos. E não há mais elevação que esta forma retórica e pífia de os dois se  digladiarem.

1 comentário:

floribundus disse...

a guerra é invenção da esquerda
a culpa do PR é ter nascido ... pobre e social-democrata