terça-feira, setembro 11, 2012

NOSTÁLGICOS OPOSITORES INTERNOS DE SEGURO

É verdade que o Governo se mostra de uma severidade inaudita. A questão da TSU é somente um novo patamar somado ao percurso desastroso dos Governos de Foder-Dinheiro do PS. É também verdade que há experimentalismo a mais sobre uma população vulnerável. Mas se ouvirmos Pedro Adão e Silva ou o cromo magno Pedro Marques Lopes, em excitações coveiras e cínicas, na TSF, compreendemos a incompetência e parcialidade do comentário instituído. Foder Portugal não é um exclusivo desta espécie de PSD. É um fardo partilhado entre PS e PSD. O PS é tão alternativa ao PSD como a morte por fuzilamento e a morte à fome. Não há governação, não há Governo nem Troyka que resistam à economia armadilhada e às ilusões contumazes que o passado retórico do Parisiense documenta. Os Portugueses estamos todos unidos na rejeição a quente do que Passos nos comunicou Sexta-feira. Mas de António José Seguro, líder do principal partido responsável por quase todos os nossos desastres económicos, pela dívida exponenciada e pela bancarrota de que é urgente sair, não pode, efectivamente não pode, dissociar-se dos veredictos europeus que vêm confirmar e apoiar quanto o Governo de Vítor Gaspar decretou hoje mesmo. Compaixão Zero. Il faut ce qu'il faut. Evidentemente que perante a Comissão Europeia, o Banco Central Europeu e o FMI, Seguro é a irrelevância incarnada tal como Sócrates é o réu sem pena e o algoz sem pago. Todas as palavras de Seguro e de Zorrinho valem Zero. São, aliás, maus actores. O PS está amarrado ao próximo OE, estrebuche por onde estrebuchar. Como principal partido da oposição nem tem ideias nem pode liderar qualquer debate numa questão consumada à testa do qual estão responsabilidades crassas, incompetência e amadorismo no tratamento dos Dinheiros Públicos. O líder não lidera. As forças vivas do PS estão mortas de tédio e de dinheiro. Quanto à pressão da Opinião Pública, embora pareça avassaladora, não tarda esfriará, tombará no seu torpor individualista habitual, não há nada a fazer perante os condicionamentos da Troyka. Passos Coelho está muito para além da sensibilidade às opiniões populares, como se tem verificado: o propalado chumbo do PS ao Orçamento de 2013 equivaleria ao chumbo pretextual ao PEC IV, tirando o facto de que o PEC IV, uma vez aprovado, nada poderia fazer para reabilitar um Governo Corrompido e Ferido de Morte pela avidez infrene de um só pulha. Resta a António José Seguro continuar o seu papel de acusador tácito do Governo Devastador Anterior do PS, como culpado manifesto e absoluto junto da Opinião Pública na bancarrota e respectivo Memorando de Entendimento. Estamos todos zangados com o Governo Passos, sim, mas sabemos que será sempre uma tarefa ingente corrigir o desastre saqueador e ilusório dos Governos Sócr... Filho da Puta. Por isso não podemos voltar a quem nos faliu. Mas vale o extremismo do sacrifício a que o resto da Europa não poderá escapar e, sim, é experimental e precursor em Portugal, que apostar na corja que trouxe o País a este beco. Se havia esperança na Esquerda folclórica em França, veja-se agora o caso patético de Hollande com 59% de desaprovação pública e medidas de saque pesadíssimas recorde. Do partido socialista, do seu trajecto de devastação e saque, não se esperem pessoas capazes de frugal regeneração seja do que for. Os comentadores são facciosos, interesseiros e corruptos: Soares é estômago. Januário é lixo e baixaria. Os cidadãos merecem o que escolheram, cegos e passionais como adeptos do Sport Lisboa e Benfica ou do FC Porto. Amanhemo-nos, portanto, com o que há. Fome e peste. Nenhuma guerra aos corruptos.

3 comentários:

Anónimo disse...

O PS está condenado, com este xoninhas, inseguro, ao fracasso eleitoral. A direita já o percebeu ( o que não era dificil). Eleger um idiota denominado Tó Zé para futuro 1º Ministro so poderia ser anedota, ainda por cima de um carcamano que andou todo o tempo a denegrir o Secretário Geral do seu partido (recordam-se as suas presenças na missa do Crespo? Puta ke o pariu!
Ontem vi um palerma de nome Laranjeiro, Miguel (?), e o homenzinho metia dó. O Zorrinho é uma nódoa. O PS não é NADA.
O Costa não tem igualmente perfill nem para presidente de Junta quanto mais de Camara…

Ou Sócrates volta e o partido se une em volta de alguem que mesmo tendo defeitos tem ideias e estratégia – E PROVOU-O AO LONGO DA SUA GOVERNAÇÃO – ou preparem-se para confrontos mas nada se vai poder fazer sem rolarem cabeças. Esta canalha só sai à força.
Em alternativa vaselinem o rabinho, rezem e vão fazendo postes bonitinho, arrumadinhos, bem escritinhos e MAIS NADINHA…. Habituem-se!

Anónimo disse...

Carlos Magno, o ranhoso do favor a Relvas na ERC, conhece bem os meandros e funcionamento dos partidos. Por altura da campanha para SG disse, na Antena 1, que o PS que tinha votado massivamente em Sócrates meses antes (Março de 2011 com 93,3%), iria agora escolher Seguro, um conhecido critico do anterior SG. Chamava a essa viragem , esquizofrenia politica. Teve razão, tanto no resultado como na esquizofrenia. Confesso que até aí nem tinha dado pela sua existência e da sua ambição em liderar o partido. Para lá dos amuos (durante seis anos não foi a ministro ) não se lhe conhecem criticas concretas ás politicas do anterior governo. Mas foi fazendo o seu programado caminho, chegou lá e agora queria esperar por 2015 para ir mais além. Por isso, foi sendo um opositor ainda mais enfadonho do que naturalmente é. De tudo isto não vinha mal ao mundo se , para cumprir a sua agenda, não tivesse optado por aceitar todas as acusações feitas pela direita, principalmente a mortífera “deixou o país na bancarrota”. Até hoje não se lhe ouviu um desmentido ou uma palavra que fosse para defender o que de bom foi feito pelo ex-PM. Um episódio mostra bem de que fibra é feito: logo que eleito SG publicou na pagina facebook do PS uma fotografia em que, muito sorridente, apertava a mão do Crespo das camisinhas, um dos que mais prejudicou Sócrates na suja campanha de difamação. Foto que foi retirada depois de muitos protestos em que se chegaram a chamar os bois pelos nomes…
O que ele não previu foi a absoluta incompetência dos seus parceiros de caminho, os que estão no governo. Agora tem de se mexer mas ainda assim opta pelos serviços mínimos.

Anónimo disse...

Meus amigos, o Seguro nao vale um caralho, é assim mesmo que tem que ser dito, esse gajo nao vale nada, nem como secretário geral, nem como homem, nem como ser humano, devia ser expulso do PS, pois esse caralho nem socialista é.

O PS e Portugal só têm uma alternativa, é o Eng. José Sócrates voltar a liderar o PS e o país, pois foi de longe o melhor primeiro ministro que este país viu até hoje, e o único que me fez orgulhar de ser Português.

Quero também dizer que o único responsável pela situacao que estamos a viver, é o Otelo, pois devia ter cumprido com o que disse, e ter posto estes filhos da puta todos que estao no poder, no campo pequeno, e fodê-los a todos, assim outros tinham ainda um exemplo fresco na memória, e nao ousavam destruír o país como estao a fazer, comecando naquele criminoso que está em belém, que é o estratega desta merda toda, e acabando no último filho da puta que defenda estes gajos.

O problema de Portugal é que o 25 de Abril nao teve sangue, devia ter tido, muito filho da puta devia ter sído morto, para limpar a sociedade, como isto nao foi feito, aí estao eles a salarizar o país com quanta forca têm, ponham isto nas vossas cabecas, isto só lá vai a tiro, se a criatura cavacal nao demitir o governo, e convocar novas eleicoes, JÁ.

A seguir é demitir todo e qualquer escroque, pulha ou filho da puta, que tenha sido nomeado por este governo, e responsabilizá-los civil e criminalmente pela destruícao do país, tal como eles queriam.

Portugueses, o nosso hino diz claramente, “Às armas, às armas” , pois está no tempo do povo se levantar, pegar em armas, e correr com estes filhos da puta todos, de uma vez.

Outra coisa, se nao for possível o Eng. José Sócrates voltar a liderar o PS, só vejo duas alternativas credíveis, Pedro Silva Pereira ou Joao Galamba, e nem, me falem no Assis ou no Costa, sao outros caga tacos e tracoeiros, nunca os vi a defenderem José Sócrates
naqueles programs em que participam, das infâmias ditas por filhos da puta da direita.

Tenho dito, caralho, estou mais aliviado.

P.S. – Nao tenho cedilha ou til, por isso nao me fodam a cabeca por causa disso, se fazem favor, e sim, as asneiras foram necessárias, para me aliviar, e nao, normalmente nao sou assim, mas saltou-me a tampa.