sexta-feira, março 23, 2012

BRUNO PAIXÃO VISITADO

Não se deve centrar demasiado nos árbitros o ónus dos maus resultados, mesmo se habilmente eles os potenciam, o que não quer dizer que alguns não devam abandonar o ofício, já que o desonram. E agora que, sem termos culpa, sabemos onde moram e a data de aniversário da tribo arbitral, sugeria que os confrades do Dia de Clássico fôssemos, qual comissão de honra, visitar o lar de Bruno Paixão. Uns, a ver se é verdade que ele tem afixados na garagem posters sacrílegos do Sporting e do FC Porto, diante dos quais se autoflagela. Outros, a confirmar as grandes masturbações ao pequeno altar do glorioso, que ele montou na casa de banho.

2 comentários:

floribundus disse...

podiam ir ver as moradas às finanças. são públicas

Daniel Santos disse...

grandes o quê? Onde? Cruz credo!