sexta-feira, março 30, 2012

DEPOIS DO TIRO AO ÁLVARO, TIRO AO INSEGURO

A 'elite' socialista, onde pontifica António Costa, espécie de Buda Sentado do socialismo far far away, muito, muito além da ralé que somos todos nós, os não-socialistas, não tem sossego nem se dá sossego. Não tem coragem de execrar a herança danada dos últimos anos, e seria tão simples, mas atreve-se a fragilizar a liderança de António José Seguro, afinal um líder tão mais humano, normal, tão mais norteado pelo que é decente e ético e aprovável. Seguro, no fim de contas, é melhor que a soma das partes que compõem a agremiação devorista do Rato. 

2 comentários:

floribundus disse...

Amigo
domigo e de 5ª à pascoa talvez lhe interessem os posts do vagamundo

são todos ratos

Anónimo disse...

Seguro é inseguro e previsível, tal qual o é Passos Coelho, só que o nosso Primeiro tem o Relvas. A António Costa basta ficar quieto, o partido vai-lhe cair nos braços.